domingo, 4 de novembro de 2012

É o que me interessa


Daqui desse momento
Do meu olhar pra fora
O mundo é só miragem
A sombra do futuro
A sobra do passado
Assombram a paisagem.
Quem vai virar o jogo
E transformar a perda
Em nossa recompensa
Quando eu olhar pro lado
Eu quero estar cercado
Só de quem me interessa.
Às vezes é um instante
A tarde faz silêncio
O vento sopra a meu favor
Às vezes eu pressinto e é como uma saudade
De um tempo que ainda não passou

Me traz o seu sossego
Atrasa o meu relógio
Acalma a minha pressa

Me dá sua palavra
Sussurra em meu ouvido
Só o que me interessa.
A lógica do vento
O caos do pensamento
A paz na solidão
A órbita do tempo
A pausa do retrato
A voz da intuição
A curva do universo
A fórmula do acaso
O alcance da promessa
O salto do desejo
O agora e o infinito
Só o que me interessa.

Lenine 

Um comentário:

  1. Olá, boa noite!
    Que texto mais lindo, lindas e doces palavras. Uma frase que achei bem interessante: "O agora e o infinito só o que me interessa", vivo assim prestando atenção em meus dias e vivendo o que será infinito, o amor. Lindo, lindo, lindo seu blog!

    beijoo :)

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua semente. É ela que enche de flores este lugar!
Obrigada pela visita! ^^
Seja sempre bem vindo ao Jardim.